Rua Rio Juruá, 156
(037)3228-0800
(37)99121-2820

7 dicas que você precisa saber para implementar em sua empresa

  1. Utilização da plataforma de ERP

Para os que não sabem, “ERP” significa Enterprise Resource Planning, em português, Planejamento de Recursos Empresariais. Essa plataforma serve para integrar todos os dados e processos de uma organização em um único sistema. Ou seja, ela auxilia para integralizar as diferentes áreas que compõem uma empresa e ainda possibilita a automação e armazenamento de todas as informações do negócio.

Mas como isso funciona na prática?

Imagine que você precise comparar duas áreas da empresa, como a área de marketing e a área de vendas. Com ERP, você pode ter todos os dados necessários rapidamente.

2. Saiba quem escolher para trabalhar em sua empresa
A pior coisa que uma empresa pode fazer é contratar um profissional desqualificado ou que tenha valores contrários aos da empresa.

Para que isso não aconteça, o processo seletivo deve ser amplo, sendo capaz de verificar com êxito as características dos funcionários que passarão a trabalhar em sua empresa.

Portanto, não é apenas nesse quesito que você deve ter uma atenção maior. Depois de estarem empregados, é fundamental que a empresa tenha práticas que gerem valor e desenvolvimento dos funcionários, como, por exemplo, dar reconhecimento à quem merece, realizar pesquisas internas para saber o nível de satisfação de cada membro e até de conhecimento da marca em que está trabalhando, além de capacitações e treinamentos.

3. Utilizar a plataforma de CRM
Você pode estar se perguntando: Para que tantas plataformas? Ou então, Qual a diferença de ERP para CRM?

Primeiramente, são duas plataformas essenciais para uma empresa obter cada vez mais sucesso com o passar do tempo. A ERP é mais voltada para a comunicação interna, analisar números, áreas dentro da empresa. Já a CRM, que significa “Customer Relationship Management, ou seja, “Gestão de Relacionamento com o Cliente” é mais voltado para o público externo, como o próprio nome já diz.

O cliente é um dos principais stakeholders e em tempos de redes sociais em que uma marca pode ser levada tanto ao sucesso quanto à falência em pouquíssimos dias, é no consumidor que deve-se tomar mais cuidado e ter grande atenção.

Com a plataforma de CRM é possível identificar mais facilmente os clientes que participam da maior taxa de vendas do negócio, conhecer as preferências de compras de cada um, separar os contatos por vendedores, departamentos ou equipes e lembrar de entrar em contato com clientes, quando este necessitar de uma relação mais constante.

Fonte: Pluga
4. Ser ética e apoiar a diversidade
Em tempos em que o marketing 3.0 já está consolidado, é de suma importância que a empresa siga esse conceito. Ou seja, é necessário ter missão, visão e valores claros, enxergar o cliente como ser humano, com coração, mente e espírito, e não apenas como um mero cliente que tem dinheiro para gastar. Além disso, outro conceito importante é o objetivo de fazer do mundo um lugar melhor. A empresa que segue esses ideais está um passo à frente das outras que não seguem, já que, hoje em dia, a sociedade demonstra um grande valor para isso.

5. E-commerce
Conforme supracitado, o marketing 3.0 já está consolidado há alguns anos. Atualmente, o conceito mais recente é o do marketing 4.0 que fala sobre o e-commerce.

Em tempos de rapidez e praticidade, se o seu negócio tiver um bom site, certamente você conseguirá mais vendas e a confiança dos consumidores. Lembrando que esta dica é voltada para os negócios que oferecem algum tipo de produto para os consumidores.

Fonte: Read4sis
6. Esteja presente nas redes sociais
Ainda nesse âmbito, torna-se claro que vale a pena avaliar as redes sociais para criar uma conta nas redes que mais conversam com a sua empresa. Segundo uma pesquisa realizada pela Rock Content, startup de software, 96% dos usuários de internet fazem uso de alguma rede social. Dentre estes, 91% acessam diariamente suas redes sociais.

Neste caso, esta dica serve também para as empresas que não vendem produtos, como por exemplo, a Netflix que vende um serviço mas está em constante contato com os usuários tanto no Facebook quanto no Twitter, gerando valor para as pessoas. Além deste grande benefício que é o engajamento com a marca, outras vantagens da boa utilização das redes sociais são: Divulgação da marca, aumento de vendas e número de clientes, aumento de tráfego no site/blog etc.

7. De alguma forma, inove
A paixão de muitos profissionais de marketing pela profissão é o poder de fazer o novo, de novo e, como diz o renomado publicitário Washington Olivetto: “temos de aprender a falar com milhões de pessoas como se estivéssemos falando com uma só.”

Isso quer dizer que a tarefa não é fácil. Contudo, é possível exercitar a criatividade com mapas mentais, tática de brainstorm em grupo em salas coloridas e até em locais que possibilitem uma pausa para o lazer, o que também é muito importante para a mente.

Fonte: Boxloja

Oferecemos suporte completo para a emissão de diversos documentos fiscais tais como: NF-e, MDF-e, NFE-e, ECF / PAF-ECF, tudo de forma integrada, entre em contato e saiba mais. 

Related Posts